Páginas

quarta-feira, maio 14, 2008

ANGOLA, MÃE TERRA


ANGOLA MINHA TERRA,
MÃE TERRA!
De ti não sinto o cheiro,
nem calor...
Não vejo as cores com que te vestes,
não provo tuas frutas!...
Mas recordo, Angola,
o cheiro, as cores, os gostos com que me impregnaste desde infância!
Recordo-os como o filho que se aparta
da mãe, ainda menino, e já homem sente
no corpo a sua lembrança terna.
Terra bonita, bonita...
Deixei-te ainda criança porque em ti,
doente, teus filhos morriam!
Ainda oiço essas bombas, como trovões,
destruindo tudo...queimando, rasgando,
ferindo teu ventre...MÃE TERRA!
Agora teus olhos sangram, vendo a
fome, as misérias deixadas pela guerra,
a dor de tantos irmãos sofrendo.
Choro contigo.
Mas também nasce em mim a esperança,
MÃE ANGOLA,
De te voltar a ver, de pisar teu chão,
De então sentir esse cheiro, o calor,
ver tuas cores, falar com tuas gentes... meus irmãos!
E, então, percorrer longas distâncias que,
ante a tua beleza, se tornam curtas.

Dinamene (10/Maio/2003)

3 comentários:

Maria disse...

Adorei o texto.Angola Minha Terra, mae terra.
Dela nao tenho lembrancas so mesmo o meu nome me diz que la nasci. Um dia pensei que ia visita-la mas pregaram-me uma partida. Para mim , Angola,vai ser sempre um sonho...
Turyma Dias

solange disse...

Turyma,sobrinho lindão!
Será que não te lembras que foste a Luanda com a Gi, já não sei em que ano, e ficaram em casa do Bruno e da Paula?! Talvez tenha sido só por uns dias, mas estou com a ideia de que foram! Acho que passearam até ao Mussulo, ou estou enganada?!!!
É verdade que eras ainda criança e que, mais tarde, ficaste de ir até lá. E pode ser que não seja só um sonho e possas ir, um dia, com tempo, conhecer bem a tua terra.
Beijo grande

dinamene disse...

TURYMA,

“VAMOS SEMEAR/TRABALHAR A TERRA”… Bonito Nome!
E bonita pessoa que tu és!!! Semeaste esperança nos nossos espíritos….

É verdade que a Vida te pregou uma partida! E a quem não prega?...
“Passar por cima, ir em frente, é a saída!”. Claro que sabes disso, afinal sobreviveste a um coma profundo, mesmo quando os médicos duvidavam que isso pudesse acontecer!
E o mais importante de tudo é que não perdeste a tua inteligência, criatividade (deves continuar a desenhar!) e humor….

Compreendo que a tua perda de mobilidade seja um obstáculo à concretização de sonhos que tinhas… Mas ainda és um jovem e a verdade é que uns sonhos substituem outros e ainda haverá muitos dos quais não precisas de “desistir”!
Ir a Angola, a nossa Mãe Terra, será com certeza possível, se quiseres muito!
Talvez regressemos juntos à Terra das nossas raízes…Talvez um dia vás com os teus afilhados, ou sobrinhos, que gostarão de ver/sentir/ cheirar a Nossa Terra!

Continua a semear sonhos, dentro de ti, acreditando que não há metas impossíveis!

Beijos

Tua prima e amiga