Páginas

sexta-feira, junho 05, 2009

Blog boom

Confesso-vos que sou um pouco “desligada” de certas realidades, não sei se por “alienismo” da minha parte ou por algum outro motivo oculto…
Passando à frente, se não fosse a Didium a sugerir que me juntasse à equipa do “Ler é Viver” suponho que ainda estaria por entrar na Blogosfera.
Recentemente apercebi-me da Blogmania que anda por aí (por trás do computador ou por dentro, por dentro de cada um de nós?, e por cima em espaços paralelos), da enormidade de blogs que há para tudo. Quase toda a gente tem um email e muitos (mesmo!) têm blogs, sendo a palavra, na maioria, o veículo preferencial de comunicação. Também há blogs que privilegiam a imagem, o som, o vídeo… Podem ser dedicados a pessoas, ou à poesia, à ciência, etc, alguns são informativos, ou de opinião, críticos, apresentam artes ou publicitam produtos artesanais, pertencem a grupos, associações ou são individuais… Há blogs para todos os gostos e desgostos, mesmo!
Nenhum omite palavras, mesmo que possa silenciar algumas. Pergunto-me, até, se as palavras terão o mesmo poder mágico de comunicação que tem um olhar nos olhos, em silêncio…
Quantas vezes não podemos olhar nos olhos de amigos, ou até de desconhecidos que gostaríamos de conhecer e, então, lemos-lhes as palavras que são, nalguns casos, espelhos de alma?!
Muitos dos autores dos blogs utilizam nos perfis nomes diferentes dos que usam no dia a dia (ao vivo e a cores), fotos pouco perceptíveis ou imagens que não são a “sua cara”, não sei se para ocultar verdades se para revelar outras identidades.
Há também prémios que uns bloguistas enviam a outros (também não somos excepção), coleccionando-os, e que ainda não percebi se gosto ou se me irritam (sem querer ofender ninguém), nem sei quem terá inventado tal teia.
Serão os blogs portas para novas dimensões, algumas fúteis, outras profundamente belas?
Saberíamos viver sem palavras?
A verdade é que por mais palavras que se inventem, reagrupem, baralhem, o todo, a essência, é impossível de escrever….e descrever…
As palavras são por si um mundo, um todo, um Universo!
Podemos dizer o mesmo de tantas formas, com diferentes palavras…
Quando escrevemos, com as nossas palavras, que vos pertencem, lêem o que escrevemos?
Ler é criar?
Como escrever, Ler é Viver….
Dinamene

10 comentários:

dinamene disse...

Vocês, que gostam de navegar na blogosfera e, sobretudo, de ler, já visitaram o blog de José Saramago (Prémio Nobel de Literatura), talvez o maior escritor de língua portuguesa vivo?!

O Caderno de Saramago:
http://caderno.josesaramago.org/

didium disse...

Dinamene,

Subscrevo.

Sem ofender ninguém, também não acho muita graça aos tais prémios...
Tu sabes bem por que motivo este blog se iniciou. Inofensivo, troca de ideias, partilha, aproximações. desabafos. Assim continuará a ser!

Bjs

solange disse...

Gostei de ler sobre a "Blogmania", mas a verdade é que já quase n conseguimos deixar de espreitar e de entrar.Crescemos e aprendemos muito com as palavras dos outros e isso é muito bom. Como gostamos de ler, lemos variado, sobre os assuntos que seleccionarmos e trocamos sentimentos e desabafos. É bom! É terapêutico! É tb aprendizagem!

E se começassem a ler valter hugo mãe?!
Acabei de ler "O apocalipse dos trabalhadores" e garanto-vos, é genial!

Lopes disse...

Há acasos que não são. Não são acasos porque têm intuito, têm objectivo e são palavras que nos sussurram para prestar atenção. Enquanto leio o "Blog Boom" Sara Tavares canta "Ponto de Luz"... mágico!

Estou a aprender. Estou a ser levado nas ondas das palavras. Adoro falar. Adoro escrever para mim. Tenho muito para mostrar, e mais ainda para esconder... estou a aprender!

A palavra é cada vez mais viral, não pertence ao lado de lá do ecrã, viaja... viaja!

Tudo isto apenas para dizer, que quando comecei a dar de mim, comecei a receber tanto... e quem me deu nem sabe, não desconfia como foi importante.

Obrigado "tu"
Jah Bless

Lopes disse...

http://caderno.josesaramago.org/
vou de certeza lá ver... estou a aprender!

jah bless

dinamene disse...

Que lindo Lopes…
Arrepiante, Mágico! Obrigada “tu”!
Não conheço a música de “Ponto de Luz”, vou ouvir de certeza, estou a aprender!
É tão bom aprender, não é?!
Sim Didium, o nosso blog sempre foi um meio para trocar de ideias, partilhar, aproximarmo-nos, desabafar, tudo isto entre o que se escreve e o que se lê…E, cá para nó, estás muito Pró ;)
Solange, sem dúvida que “Crescemos e aprendemos muito com as palavras dos outros”

Beijos

didium disse...

Lopes, Henda...

Obrigada pela partilha.É muito bom dar, quando também se recebe e às vezes, mesmo só dar, sem receber e sentirmo-nos bem connosco!

dinamene disse...

Ponto de Luz é maravilhoso... Ouvi e vi vídeo - youtube! Amei ;)
Henda, estas tuas palavras sobre “aprender” mereciam mesmo um post, quase são uma canção.

Valter Hugo?!... Trazes sempre boas sugestões de leitura, mãe, tenho de pegar numa delas...

Bom fim de semana.

solange disse...

Dinamene, n escrevas o nome do homem com maiúsculas.

valter hugo mãe é um grande escritor com letras minúsculas!!! :)

dinamene disse...

Ok. Já me ri, tb comigo própria ;)