Páginas

terça-feira, dezembro 15, 2009

Pela metade

maboqueiro
acácia

Ainda me falta
pisar o outro chão,
onde fiquei metade.

Ainda me falta
colar os cacos,
e ficar inteira.
Surgir assim genuína,
vaguear pela infância
e adolescência,
recordar...
Ser capaz de sorrir,
quando a despedida surgir.

Ainda me falta
preencher a alma africana
que tenho dentro de mim.

Ainda me falta
abraçar a terra e,
quando regressar,
não ter a ousadia
de olhar para trás.

Ainda me falta
deixar de ter falta.
Ainda me falta...

maria eduarda

4 comentários:

Em@ disse...

Também a mim ainda me falta...que bem te compreendo!
Assino, tudinho, por baixo.(Se me deixares, é claro!)
Beijinhos

didium disse...

E se deixo!

Obrigada, eu sei que compreendes Em@!

Beijinhos

Anabela Magalhães disse...

E eu também te compreendo e bem, apesar de nascida em S. Gonçalo e ainda moradora em S. Gonçalo mas com uma alma errante e esfomeada de Sul até dizer chega!

didium disse...

E somos três!