Páginas

segunda-feira, agosto 24, 2009

Felicidades Turyma!


Não Sou o Único

Pensas que eu sou um caso isolado
Não sou o único a olhar o céu
A ver os sonhos partirem
À espera que algo aconteça
A despejar a minha raiva
A viver as emoções
A desejar o que não tive
Agarrado às tentações

E quando as nuvens partirem
O céu azul brilhará
E quando as trevas abrirem
Vais ver, o sol brilhará
Vais ver, o sol brilhará

Não, não sou o único
Não, sou o único a olhar o céu
Não, não sou o único
Não, sou o único a olhar o céu

Pensas que eu sou um caso isolado
Não sou o único a olhar o céu
A ouvir os conselhos dos outros
E sempre a cair nos buracos
A desejar o que não tive
Agarrado ao que não tenho

Não, não sou o único
Não sou o único a olhar o céu
E quando as nuvens partirem
O céu azul ficará
E quando as trevas abrirem
Vais ver, o sol brilhará
Vais ver, o sol brilhará

Xutos e Pontapés

5 comentários:

didium disse...

Um abraço para o Turyma. O desejo de esperança a acontecer em breve!

dinamene disse...

Parabéns primo e amigo!
És uma pessoa excepcional e orgulho-me que sejas daqueles seres únicos e maravilhosos que fazem parte da minha vida (não é em vão que te escolhi para padrinho dos meus dois rebentos)…

És meigo, inteligente, sensível , bem humorado e forte (muito mais do que pensas ser) … Transmites-me sempre Esperança!
…Desde de que te vi “acordar” de novo e escolheste Viver!!!

Faço votos que os teus sonhos sejam realidade, porque mereces.

Tem um dia excelente e um futuro brilhante (como tu)!

Beijos

maria Claudete disse...

Adoro a letra q escolheste para me presenteares. O Ano passado celebrei na Fatacil o meu aniversario, a ouvir os Xutos e Pontapes. Sou Fa deles. Obrigada pelas tuas palavras, que me deixa muito sensibilizado.
Es uma prima muito querida e os meus afilhados tambem.
beijinhos para todos.

solange disse...

Aqui, hoje, espcialmente, para enviar um beijo grange ao Turyma, à Dinamene, à Dé e à Didium!!!
Primeiro,arrepiei-me com o poema lindísimo dos "Xutos", que nem conhecia bem!
Depois, senti o abraço da Didium, como se fosse eu a recebê-lo pelo Turyma, porque é a amiga querida que está presente e com quem podemos sempre contar.
A seguir, as palavras da prima que tem o dom de apreciar o melhor que cada um de nós tem.
Finalmente, o Turyma e a Dé em uníssono!!! Um email dá para os dois,pelo que a Claudette diz, mas é, na verdade, o Turyma que diz :).
Telefonei ontem ao Turyma, percebi que estava feliz, em mais um dia de aniversário, ainda que longe de PT e de nós, mas sempre no nosso coração.
Para todos, um abraço do tamanho da nossa terra.

Lopes (Henda) disse...

Um abraço grande como a alma que o recebe!. Parabens Turyma

Jah Bless